Main Page Sitemap

Valor do desconto de vr


valor do desconto de vr

Apesar de a empresa não ter obrigação de conceder alimentação quando o trabalhador é afastado por doença, licença ou férias, não há nada que a impeça de conceder o benefício ao trabalhador, porém, como o PAT é um programa de saúde e em nada prejudica.
Vejamos: se o desconto total do vale-transporte deve ser de até 6 do valor do salário básico, no exemplo apresentado o desconto total deveria ser de até R 120(2.000 x 6 120).
Clausulas convencionais vigentes até.
Se o desconto de 6 em relação ao salário for maior do que o custo, aí não haveria vantagem, apenas a recarga automática feita pela empresa do valor gasto que será então descontado do salário na íntegra.O vale-transporte é um benefício obrigatório que o empregador deve fornecer ao empregado contratado sob o regime da CLT para realização do trajeto por meio do sistema de transporte público urbano (ônibus, metro, trem etc.).De acordo com a Portaria SIT/dsst n 3/02, para inscrever-se no PAT e usufruir dos benefícios fiscais, a pessoa jurídica deverá requerer sua inscrição à Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT por meio do Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho (dsst do MTE,.Ele terá, portanto, um desconto de R 330 (11 de R 3 mil).No entanto, caso o valor correspondente ao vale-transporte seja inferior a 6 do salário básico, o percentual do desconto será reduzido de forma proporcional.Já a contribuição associativa se dá quando funcionário opta por se tornar sindicalizado, ou seja, ele se associa ao sindicato de sua categoria.Se um profissional ganha R 3 mil, ele se enquadra na terceira faixa porcentual,.Incentivo Fiscal De acordo com o art.Alteração Contratual O art.Conforme as normas da empresa, o desconto mensal pode ser acrescido do uso de determinados serviços, principalmente sorteios em blogs femininos para dependentes.Exemplo: salário.400,00, valor gasto com vale transporte R 280,00, valor de desconto R 144,00 (6 de.400,00).Nessas situações, é o empregador que deve arcar com o excedente. .
Nesse caso, o meio de transporte deve compreender todo o percurso.




Para 22 dias trabalhados durante o mês, temos um total de 44 vales-transportes necessários ao empregado nesse período (2 x 22 44).6 da Portaria SIT/dsst n 3/02 é vedado à pessoa jurídica beneficiária: a) suspender, reduzir ou suprimir o benefício do programa a título de punição ao trabalhador; b) utilizar o programa, sob qualquer forma, como premiação; c) utilizar o programa em qualquer condição que desvirtue.É ônus do empregador verificar se os dados informados pelo empregado procedem.Quando no item.2 da clausula convencional fala em substituição é para aqueles empresas que tenham restaurante nas dependências e cujo valor da refeição seja equivalente ao do auxílio refeição em pauta, caso contrário, resta a proibição.Assim, o empregado assinará o recibo no ato em que receber o vale transporte.20.3 - Os empregados participarão com 5 ( cinco por cento ) do valor da cesta básica, caso não tenham faltado ao trabalho durante o mês, e com 15 ( quinze por cento caso faltarem ao trabalho sem justificativa também durante o mês.Se o empregado recebeu o vale-transporte no início do mês, deverá devolver ao empregador os vales não utilizados, ou este último descontará do acerto o valor correspondente a eles.Assine nossa newsletter e receba mais conteúdo sobre finanças para pequenas empresas.A empresa deverá preparar, mensamente, o recibo do valor total do vale transporte pago e descrever o número de conduções diárias e mensal utilizada e, ainda, o valor unitário da condução que multiplicado pelo número de conduções será o total pago.
Para calcular o valor líquido, o trabalhador deve, em primeiro lugar, descontar o valor referente ao inss e, do resultado, descontar o Imposto de Renda.


[L_RANDNUM-10-999]
Sitemap