Main Page Sitemap

Achou ganhou bis zuera


Também ouvimos e curtimos muito pop, funk e as músicas trash, que volta e meia aparecem nos nossos sets, essa miscelânia de ritmos, esse coletivo de sons é o que representa o Coletivo Prisma.
A nossa própria evolução, é um exemplo, começamos a abrir novos horizontes para a música, assim como nosso modo de vestir mudou durante os anos.Uma coisa que dá pra observar, que as pessoas absorvem muito os comportamentos ao seu redor.O pessoal do Coletivo ainda criou uma mixtape especialmente para o nosso blog, se liga só como eles mandam bem!Estamos sempre atrás de novos artistas bacanas, realizamos uma festa esses tempos vale desconto shop2gether em Blumenau HitsNationsBattle) em que nós tocamos músicas de cantores e bandas novas da Suécia e Inglaterra, que foram os países escolhidos para a primeira edição da festa, junto claro com os artistas.Desde bandas de garagem, música independente, música experimental, eletrônica, passando pelo Indie, Grunge, Punk.Lembrando que você também ganha prêmios em dinheiro ao participar do Jogo Bis da Zuera.Como participar da promoção, ao comprar a embalagem acesse o site e faça seu cadastro além do cadastro da embalagem e cupom fiscal.Quais as características para ser considerado tal?Gosto muito da dinamarquesa MØ também, mas uma que não tenho parado de ouvir mesmo é a Tove Lo, da Suécia Aliás, o Indie Pop e o Eletro Pop suecos tiveram um destaque bem grande no cenário musical de 2013, e espero que continue assim.Conhecemos muita coisa nova que se quer tínhamos ouvido falar.O hipster é uma pessoa inquieta e curiosa, que busca sempre coisas novas, tanto musicalmente quanto para questões como o vestuário.Guilherme : Ultimamente estou ouvindo bastante chvrches, que é uma banda super bacana de Synthpop da Escócia.




No início pensamos que a pista ia esvaziar e iam querer linchar a gente, mas foi o contrário, todos queriam dançar E esse é que é o legal de trabalhar com esse tipo de público pois o preconceito musical quase não existe, e nós não.Cada vez mais as pessoas vem buscando se informar, e claro, as redes sociais tem ajudado muito nessa difusão de conhecimento.Os sets dos garotos vão do Indie ao Funk, passando pelo Pop Esse é o tempero da coletividade musical, que eles garantem não deixar ninguém parado: A gente toca de tudo, sem preconceito musical.Que bandas vocês estão ouvindo?Foi uma experiência muito bacana para nós.O povo alternativo é uma galera mais informada e que está sempre ligada em música e moda.E essa curiosidade, por assim dizer, é algo que está muito presente em nós.The XX, Grimes, The Drums Ah, e é claro a diva hipster global, Gretchen.O Coletivo Prisma completou 2 anos recentemente e nasceu da vontade de querer sair da mesmice, unindo pessoas com diferentes costumes e gostos, num clima bem intimista.O conceito glocal define bem essa essência do Coletivo Prisma, é o pensamento global em uma realidade local, sem se deixar intimidar por sua localização geográfica, afinal é possível ser cosmopolita em qualquer lugar do mundo.Prolongamos nosso bate-papo com os meninos do Coletivo Prisma e olha só o resultado: O que vocês acham da cultura Hipster?
Para participar é muito fácil, comprando os chocolates Bis e encontrando o Bis da Zuera identificado diferentemente dos outros na caixinha você já está concorrendo aos prêmios, inclusive instantâneos.
Paulo : Estou curtindo bastante Bastille e Empire of the Sun ultimamente, tem uma banda que descobri a pouco chamada The Royal Concept, bem bacana com uma música gostosa e divertida, som do verão (risos).

Vídeo da zuera Bis.
O Coletivo Prisma é formado por Guilherme Mietzsch e Paulo Mendes, ambos moram em Blumenau, mas já discotecaram e animaram festas para a galera alternativa por aí afora, como nas festas independentes Young Blood (Jaraguá do Sul) e o Triburbana Festival (Blumenau bem como.
E o Kentö, ele é um brasileiro mas suas músicas são em inglês e é produzido pelo Frankmusik, recomendo também.


[L_RANDNUM-10-999]
Sitemap